segunda-feira, abril 03, 2006

semear e colher as tardes de domingo













Este postal foi comprado numa feira, num domingo, ao fim da tarde. Foi escolhido entre vários, pensando sempre que não os podia comprar todos, para ter o gosto de dizer "para a próxima compro outros". Custou dois euros. A luz do fim da tarde ligava-se com a luz da colheita que aparece na imagem - pessoas envolvidas num trabalho pessoal, interagindo numa época em que o principal instrumento era o braço, tecnologia da sobrevivência, do pão e dos afectos.
Assim parece, assim podemos imaginar que é.

2 Comentários:

Às 7:16 PM , Blogger maria joao martins disse...

Que luz maravilhosa! Obrigado por a partilhar connosco. beijo

 
Às 10:32 PM , Blogger paper life disse...

Quando isso era real tudo parecia melhor. Porque será? :)

Trabalhoso, eu sei mas mais natural.

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial